101 LIVROS, ARTIGOS OU VÍDEOS GRATUITOS QUE TODO ARTISTA OU CRIATIVO PRECISA CONHECER O QUANTO ANTES

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Uma das características mais marcantes da nossa cultura é sua capacidade de absorver de tudo e criar algo novo a partir dessas misturas, e se há algo que me fascina são conexões: entre épocas, histórias, locais, culturas e principalmente entre pessoas.

Nesse espaço conectamos Cultura, Empreendedorismo Criativo, Marketing Cultural e Projetos, com o objetivo de trazer desenvolvimento a artistas e criativos.

                      Não há desenvolvimento sem valorização da Cultura

Celso Furtado

Para chegar até aqui me alicercei em vários estudos. Garimpei informações, separei o que vi de mais valoroso e tomei alguns (a maioria) destes autores por referenciais.

Apoiar-me nesses estudos e nas pessoas por trás destes foi (e é) fundamental para meu desenvolvimento.

               Se vi mais longe foi por estar de pé sobre ombros de gigantes

Issac Newton

A lista a seguir é ao mesmo tempo uma forma de agradecimento e reconhecimento a todos estes gigantes que tiveram o desprendimento de ensinar a mim e a tantos outros.

É também uma forma de compartilhar com você 101 excelentes conteúdos gratuitos que contribuirão significativamente para o desenvolvimento de sua carreira criativa.

Para facilitar sua navegação nessa gama de conteúdo, eles estão subdivididos nas quatro categorias do site:

 

No texto abaixo há um artigo em destaque de cada autor, para que você possa conhecer um pouco de cada uma destas 20 personalidades.

Para ter acesso ao   E-Book com a versão completa deste artigo em PDF, com o total de 101 links de livros, artigos, vídeos ou sites, preencha o campo abaixo e receba o arquivo em seu email.

BAIXAR O EBOOK AGORA

 

 

Ou continue lendo para conhecer esses 20 excelentes autores.

 

  1. ISAURA BOTELHO

 

Uma das principais intelectuais da cultura brasileira. Trabalhou na Funarte de 1978 à 1996, e foi gerente de planejamento, pesquisa e avaliação do MINC (2003-2005).

Seu conteúdo é denso, profundo e fundamental para uma melhor compreensão das políticas culturais no Brasil.

Artigo: A política Cultural e o Plano das Ideias

Comentários: Se você se interessa pela construção de uma sólida e efetiva política cultural esse texto pode lhe trazer alguns (bons) caminhos, principalmente para compreender como chegamos ao estágio atual por meio deste panorama das políticas culturais em três momentos: 1930,1970 e 2000. 

  2. JOSÉ MÁRCIO BARROS

Consultor do MINC, Professor da PUC-Minas e Fundador do Observatório da Diversidade Cultural, possui linha de pesquisa interessantíssima sobre este tema.

Livro: Diversidade Cutural – da Proteção à Promoção

Comentários: Partindo dos estudos de Edgar Morin sobre pensamento complexo ele provoca um discurso mais efetivo entre pensamentos e práticas utilizados na relação entre cultura, desenvolvimento e diversidade.

       Respeito é muito pouco para uma sociedade que pretende ser diversa

José Márcio Barros

  3. PAULO MIGUEZ

Ex Secretário de Formulação e Avaliação de Políticas Culturais do Ministério da Cultura (2003-2005).

Possui uma pesquisa profunda sobre a economia da cultura, sobretudo sobre a economia da festa e, mais especificamente, do carnaval.

Artigo:Economia Criativa: uma discussão preliminar (in Teorias & políticas da cultura: visões multidisciplinares)

Comentários: A economia criativa é um dos campos mais dinâmicos da economia e está em plena expansão, mas precisa ser bem compreendida, por isso é indispensável passar por esse texto para se situar nos estudos dos últimos 50 anos que a fundamentam e não ficar só no jargão da expressão.


Nota: Não poderia iniciar esta lista de outra forma. Tive o privilégio de fazer especialização em gestão cultural tendo José Márcio Barros, Isaura Botelho e Paulo Miguez como coordenadores.

O conhecimento que adquiri por meio das aulas, textos e livros destes três é formidável, mas conviver com eles durante um ano e aprender com o silêncio suas ações foi mais valoroso ainda.

O Amor, mais do que o conhecimento, é capaz de levar o homem à perfeição.

Dionísio


 

   4. ALBINO RUBIM

“Um professor, que gosta de ensinar, fazer pesquisa e agora está Secretário da Cultura do Estado da Bahia”.  Assim Albino se autodefine. Possui extenso conteúdo sobre Políticas Públicas para a Cultura, e não fica só nas palavras: se posiciona como agente político para tornar realidade sua produção acadêmica. Tão bom quanto pensar é agir! Artigo: Mídia, cultura e Eleições Presidenciais no Brasil Contemporâneo (in Comunicação e Política) Comentários: Nesse texto ele traça uma análise sobre as relações entre mídia, Cultura e Eleições Presidenciais no Brasil a partir do momento pós ditadura.  Conteúdo interessantíssimo para situar a importância da arte e da cultura como elemento transformador da sociedade. 

 

  5. ALEXANDRE BARBALHO

Professor da UECE, atua nos campos das políticas culturais, comunicação e minorias. Com ele aprendi a desconstruir fronteiras, viver com mais brasilidade e inspirei-me para criar o programa Cultura Sem Fronteiras Artigo: Estado, Mídia e Identidade: políticas de cultura no nordeste contemporâneo Comentários: Sou carioca, casado com uma paraense, tenho uma filha potiguar e vivo no Nordeste. Amo essa mistura, e por isso tenho grande desconforto quando vejo a homogeneização televisiva que vem minando e moldando a construção identitária. Não só ela, mas também os Estados, aos quais por meio de suas secretarias de cultura reforçam uma caricatura nordestina inventada. Nesse texto você encontra os fundamentos para compreender como a identidade é desconstruída por meio da manipulação televisiva.

 

  6. SÉRGIO BRANCO

Doutor e Mestre em Direito Civil pela UERJ. Diretor do Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro. Possui Vasta produção acadêmica sobre direito autoral. Depois que o conheci, abandonei os cursos sobre propriedade intelectual que estava fazendo no INPI, pois seus artigos são bem mais relevantes e alinhados com a nova economia. Dissertação: Direitos Autorais na Internet e o uso de obras alheias Comentários: Se você tem dificuldade em entender direito autoral esse texto é a sua solução! Ele descreve didaticamente a complicada (e atrasada) legislação brasileira de direito autoral, seu impacto no desenvolvimento tecnológico e suas conseqüências para o mundo jurídico, elucidando a aplicação dos direitos autorais na internet.

  7. DANIEL CAMPELLO

Mestre em Propriedade Intelectual com ênfase em Direito Autoral pela UFRJ, é proprietário da CQ Rights, gestão personalizada de direitos: direitos autorais, direitos de marca e direitos de imagem.

Adota um modelo de negócio inovador, onde os artistas não precisam ceder seus direitos, Gerindo todo o catálogo de obras e fonogramas num formato bem mais interessante do que o antigo modelo adotado por editoras, selos e gravadoras.

Dissertação: A Relação Entre Compositores e Editoras Musicais

Comentários: Em tempos de biografias não autorizadas e mudanças digitais em alta velocidade de compartilhamento e propagação vale a pena entender melhor sobre direito autoral e suas particularidades. A citação abaixo está em seu artigo!

Gilberto Gil, Caetano Veloso, Chico Buarque, Edu Lobo, Francis Hime, tudo formado, diplomado, doutorado, mas  ninguém tem os direitos sobre as suas músicas, as editoras fazem o que querem com a obra deles, eles são roubados e não podem fazer nada, é tudo otário.

Já eu, que sou o presidente da Vitória Régia Discos e da Seroma Edições Musicais, sou dono de tudo (...), posso vender, alugar, sublocar, faço o que quiser com meus direitos....e eu que sou o doidão?

Tim Maia


  8. LALA DEHEINZELIN

  

Especialista em Economia Criativa e Desenvolvimento Sustentável, Futurista, Conferencista e Consultora internacional, Fundadora da comunidade Crie Futuros e autora do livro Desejável Mundo Novo.

Busca despertar competências para o desenvolvimento por meio da cultura e criatividade, com o uso dos “óculos 4D”

Vídeo:  Economia Criativa e o futuro das redes.

Comentários: Nessa palestra para a Rede Sustentabilidade ela mostra

  • Como a arte é muito mais plausível para antever o futuro do que a ciência;
  • A mudança da economia da escassez para a economia da abundância;
  • A troca do olhar 3D (Financeiro, Social e Ambiental) para o 4D (Financeiro, Social e Ambiental e humano).

Está gostando do artigo?

Então baixe a Versão Estendida,  com mais 101 links de livros, artigos, vídeos ou sites.

BAIXAR O EBOOK AGORA

 

  9. ANA CARLA FONSECA

Economista, Urbanista, Consultora da ONU para Economia Criativa, especialista em Cidades Criativas.

Fundadora da Garimpo de Soluções e da Sampa Criativa - uma plataforma colaborativa onde pessoas podem lançar (e se inspirar) para gerar novos olhares para a sua cidade.

Livro: Cidades Criativas – Soluções Inventivas: O Papel da Copa, das Olimpíadas e dos Museus Internacionais

Comentários: Ana Carla tem tantos livros bons – e gratuitos! (links de vários na versão ampliada) que foi até difícil escolher um. Nesse há reflexões sobre relatórios da

  • Copa do Mundo da África do Sul;
  • Jogos Olímpicos de Barcelona e de Londres;
  • Museu Guggenheim de Bilbao;
  • Parques-Bibliotecas de Bogotá e Medellín;

Este é um tema que carecemos de maior compreensão e ação popular, do contrário a única coisa que ficará da Copa do Mundo e das Olimpíadas será a conta para a sociedade brasileira.

 

  10. RAFAELA CAPPAI

Atriz, bailarina, jornalista, empreendedora criativa e mestre em Empreendedorismo Cultural e Criativo. Comanda a Espaçonave, um espaço voltado para artistas e criativos que vivem (ou querem viver) fazendo o que amam. De todos os autores citados aqui é Rafaela a pessoa com quem mais me identifico!
Vídeo: Como Colocar Preço no seu trabalho? #vamoquevamo 08 Comentários: Se você tem dificuldade é em definir o valor de seu trabalho, nesse vídeo há algumas técnicas e conceitos para resolver (ou atenuar) seu problema.

 

  11. DOMÊNICO DE MASI

Cientista e sociólogo mundialmente conhecido, autor do “Ócio Criativo” e mais outros diversos livros.
Vídeo: Palestra “Gestão na Educação e Criatividade” Comentários: Entenda porquê os criativos representarão, até 2020, 30% da força de trabalho. Há também uma citação interessante sobre o trabalho de seu amigo Oscar Niemeyer na Itália como exemplo do posicionamento criativo do brasileiro no mundo.

É inútil ter no bolso todos os livros, músicas, e etc se eu não tenho cultura para selecionar e metabolizá-los. 

 

 

Domênico de Masi.

 

  12. LEONARDO BRANT

Proprietário da Brant Associados, editor do site Cultura e Mercado, e idealizador do projeto Empreendedores Criativos.
Vídeo:Entrevista Leonardo Brant – Diário de Viagem #8 Comentários: Você aprenderá nessa entrevista:

    • A relação entre cultura e empreendedorismo;

 

  • As diferenças nas funções de gestor, empreendedor, produtor e o papel do artista no contexto atual.

 

 

  • A insegurança que é depender das Leis de Incentivo para realização da sua atividade cultural.

 

 

  13. ANDERSON FOCA

 

Criador do Centro Cultural DoSol, Festival Do Sol e do Circuito Cultural Ribeira.

Uma das figuras mais conhecidas da cena indie, realiza ações culturais em quantidade impressionante.

Um cara com muitas ideias e que não perde tempo: as tira logo do papel e transforma em realidade!

Artigo: O Ouro Acabou: A criação artística está se popularizando, ainda bem!

Comentários: Nesse artigo é traçada uma análise nas mudanças ocorridas no cenário musical nas ultimas décadas, da escassez de informação e acesso à estúdios de gravação até a perda de monopólio das gravadoras e a democratização de produção musical.

  14. LEONI

Autor de diversos hits, entre eles "Fixação”, “Pintura intima”,“ Como eu quero" e "Garotos", o  ex-integrante do Kid Abelha foi um dos primeiros artistas a romper com o modelo tradicional mercadológico e partir para internet.

Livro: Manual de Sobrevivência no mundo digital

Comentários: Um guia prático de marketing digital para artistas, onde você aprenderá como comercializar seu trabalho cultural nos dias atuais, sem depender da mídia de massa.

Fala também sobre jabá, a indústria da música e "cauda longa".

  15. CAMILA PORTO 

Considerada uma das maiores autoridades em Facebook Marketing no Brasil, palestrante e colunista da iMasters, E-commerce Brasil e TechTudo.

Ministra os cursos on line Facebook para empresas e Facebook Ads.

Livro: Aprenda a Transformar Fãs em Clientes

Comentários: Você ainda...

  • Tem dois perfis no facebook?
  • Não tem fã page?
  • Marca pessoas no cartaz?

Saiba que as mídias sociais tem um potencial imenso para a publicidade de seu trabalho artístico, e nesse ebook você pode aprender a fazer isso gastando menos tempo (e dinheiro!).

Hoje não se depende mais de um investimento alto em Jabás ou propagandas na TV ou Rádio para que as pessoas tenham acesso à sua produção artística, pois as mídias sociais trouxeram a democratização dessa publicidade.

Não conheço pessoa melhor para você aprender isso do que com Camila.

 

  16. HENRIQUE CARVALHO

De estudante de Economia da UFRJ com um blog (hcinvestimentos) a um dos melhores educadores financeiros do país, tudo isso por meio do marketing de conteúdo. Seu segundo site, o viverdeblog é um exemplo de como fazer isso com excelência, sendo referência no setor com menos de um ano de existência! Artigo: Como Vender sem Vender sua Alma: O Novo Marketing Comentários: O quê (e até que ponto) você está disposto a vender? Esse é um ponto frágil (mas necessário) para muitos artistas: saber colocar preço e vender sua arte. Esse texto ensina com muita propriedade a diferenciar o que é negociável e o que não é.

 

  17. BIA MORAIS

Jornalista, especialista em gestão cultural e mais de 20 anos de experiência em assessoria de imprensa em órgãos públicos ligados à cultura e em eventos artísticos. Livro: Divulgação Cultural: O Caminho das Pedras Comentários: É você quem divulga seu próprio trabalho? Sabe como criar um relise? Como criar uma relação com os jornalistas? Essas e outras perguntas sobre divulgação cultural são respondidas com muita propriedade nesse livro, que preencheu uma grande lacuna. Peça fundamental na biblioteca básica de todo empreendedor cultural!

 

  18. LEONARDO SALAZAR

Especialista em Gestão de Negócios, Técnico em Contabilidade, instrutor do Sebrae e autor do livro “Música Ltda: o negócio da música para empreendedores” (Sebrae, 2010). Livro: Uma Ideia na Cabeça e um CNPJ Nas Mãos: Noções Básicas sobre a Atividade Empresarial Para Empreendedores Culturais. Comentários: A gestão contábil-financeira de um empreendimento (ou projeto cultural) é uma competência extremamente carente. Esse, inclusive, foi o maior problema do programa Cultura Viva-MINC, que democratizou e potencializou ações culturais em pontos de cultura por todo o país, mas que passaram (e ainda passam) por dificuldades para prestar contas não por desvio de recursos ou coisa parecida, mas por falta de gerenciamento financeiro. Escrever projetos, Captar recursos, gerenciar e executar a atividade cultural não é fácil, mas esse livro mostra alguns conceitos fundamentais para otimizar essas atividades. Tem informações que são dificílimas de serem encontradas em qualquer outro lugar.

  19. CENTRAL DE EDITAIS

Essa página do Facebook cataliza informações sobre Editais, Leis de Incentivo e oportunidades de trabalho no setor cultural e criativo com muita competência. Para mim (e também para seus mais de 36.000 seguidores) tem sido o melhor canal para estar atualizado com as oportunidades do setor. Depoimento: Minha Mãe não me deixa ser artista Comentários: O relato dessa menina de 12 anos é comovente. Eu passei por uma situação semelhante a dela, e não podia ficar de braços cruzados e aceitar que essa história continue a se repetir. É essa realidade que quero mudar, é isso que me move, que me motiva ajudar artistas e criativos a viverem dignamente de sua arte.

  20. KHRYSTAL

 

Nada melhor do que fechar uma enxurrada de conteúdo dessas com arte!

Até então, eu (e boa parte da classe artística tem) tinha Nos Bailes da Vida como um hino à profissão. Depois que conheci essa música, ela passou a ocupar esse espaço no meu coração, principalmente pelo que representa a nossa jornada, nosso dia a dia  com arte e empreendedorismo.

Quem sabe não acontece o mesmo com você?

Ah, e antes que perguntem, é a mesma Khrystal que participou do The Voice!

Vídeo: Dois Tempos

E para encerrar vou te contar duas surpresas:

A primeira é que na verdade a versão estendida não tem 101 indicações de livros, artigos, sites ou vídeos. Tem 180!  Quando comecei a escrevê-lo coloquei o título provisório de 101... mas aí achei  tanto conteúdo bom desses autores que acabei extrapolando (e muito) a quantidade pré-estabelecida. Resolvi então manter todas as indicações, e também o número 101! Pelo jeito criei afeição! 🙂

 

A segunda é que essa lista não tem só 20 nomes, tem quase 40! Dividi em 2 artigos para não ficar tão extenso. O segundo desta série já está sendo produzido, e virá ao ar em breve. Assim que ele for publicado eu o enviarei a você, em primeira mão!

E aí, gostou do artigo? 

Então baixe a Versão Estendida,  com mais 101 links de livros, artigos, vídeos ou sites 

BAIXAR O EBOOK AGORA

 

Ah, e tem mais um detalhe em que você pode me ajudar. Apesar de ter pensado e repensado essa lista, construída durante meses, é provável que grandes nomes tenham ficado de fora.

Se você lembra de algum nome que não foi citado aqui e deseja que ele seja incluído na próxima lista, deixe um comentário abaixo com sua sugestão.

Obrigado por me acompanhar até o fim deste artigo. Espero que tenha sido uma leitura tão prazerosa  para você quanto foi para mim escrevê-lo!

Forte Abraço

Sobre o Autor

Claudio Machado é gestor cultural, músico, empreendedor e apaixonado pelo que faz! Quer saber mais? Clique aqui

 

Comentários

1 Comentário


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *